Notícias


Educação ambiental pode ser custeada por produtos descartáveis


Além disso, o projeto determina a aplicação em planos, programas e projetos de educação ambiental de pelo menos 20% da arrecadação das multas por descumprimento da legislação ambiental.

A Câmara dos Deputados analisa o Projeto de Lei 6572/09, do deputado José Paulo Tóffano (PV-SP), que obriga os fabricantes de produtos com embalagens descartáveis a destinarem à educação ambiental 10% dos seus gastos com a propaganda dessas mercadorias.

Além disso, o projeto determina a aplicação em planos, programas e projetos de educação ambiental de pelo menos 20% da arrecadação das multas por descumprimento da legislação ambiental. Os recursos provenientes de ambas as medidas deverão ser depositados na carteira de educação ambiental do Fundo Nacional de Meio Ambiente (FNMA).

O projeto será analisado em caráter conclusivo pelas comissões de Desenvolvimento Econômico, Indústria e Comércio; de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável; e de Constituição e Justiça e de Cidadania.

Fonte: Ambiente Brasil

 

- A Boa Hora recepcionar Equipe Técnica pela Convenção de Estocolmo (CE) sobre Poluentes Orgânicos Persistentes–POPs
<p class="titulopaginas" align="center">A...
- Conama aprova resolução sobre lançamento de efluentes
O Conselho Nacional do Meio Ambiente aprova resolução...
- A gestão do lixo requer uma gestão compartilhada
Segundo o Manual de Gerenciamento Integrado -...
- Reputação e imagem levam empresas a adotar gestão ambiental
Sondagem Especial de Meio Ambiente, da Confederação...
- Brasil precisa substituir lixões por aterros até 2015
A implementação da Política Nacional de Resíduos...
- Plantas crescem menos com aquecimento global
Segundo um estudo publicado na revista Science,...
- Política Nacional de Resíduos Sólidos é debatida no Senado
O substitutivo da Câmara dos Deputados ao projeto...
- Brasil fica em 2º lugar em ranking internacional de consumo verde
O Brasil ficou em 2º lugar - atrás apenas da Índia...
- Economia Verde frente às Mudanças Climáticas
Todo ano o estado de São Paulo realiza uma Conferência...
- CEF adota critérios para projetos de resíduos Sólidos
BRASÍLIA - A Caixa Econômica Federal instituiu...
- A construção de aterros sanitários no Brasil custa cerca de R$ 525,8 milhões
A construção de aterros sanitários no Brasil custa...
Logotipo Boa Hora
Menu:

 

 

 
Boa Hora Central de Tratamento de Resíduos - Rua Daniel Pedro Peralta, 925 - Mauá, São Paulo Fone/Fax: 4546-8220 - Desenvolvido por: Sarro Comunicação